Sou Enfermagem

  • busca (7) (1).jpg
  • busca (8) (1).jpg

Bolsonaro é esfaqueado durante aparição publica e é internado em hospital de Juiz de Fora

A Polícia Federal (PF) informou em nota oficial que abriu inquérito para investigar o atentado contra o candidato do PSL à Presidência da República, Jair Bolsonaro, que aconteceu em Juiz de Fora (MG). 

Jair Bolsonaro foi atacado com uma faca durante um ato de campanha no centro da cidade da zona da mata mineira, em Juiz de Fora.

A assessoria da PF afirmou que Bolsonaro estava sendo escoltado na agenda eleitoral em Juiz de Fora por policiais federais, mas alguns manifestantes afirmaram que tinha gente disfarçado de policiais no meio.

O agressor foi preso em flagrante e conduzido para a sede da corporação na cidade.

De acordo com a Polícia Militar de Minas Gerais, o suspeito de ter esfaqueado o candidato, foi identificado como Adélio Bispo de Oliveira. Ainda segundo a PM, ele foi espancado por apoiadores de Bolsonaro e logo depois presso.

No Facebook foram encontrada fotos do suspeito em passeatas contra o presidente Michel Temer. Ele é de Montes Claros. Em várias postagens no Facebook, Adelio critica o deputado carioca e, em vários posts, fala mal da maçonaria e de outros políticos. Já compartilhou um vídeo favorável a Enéas Carneiro. Em uma das publicações, inclusive, Adelio diz que Bolsonaro é "apoiado por clãs maçônicos".

A PF é responsável pela segurança de Bolsonaro e acompanha o candidato em todas suas agendas. Questionada, a PF disse que retirou o candidato do local. A corporação disse que ele está fora de perigo apesar de ter passado por procedimento cirúrgico.

Nota do hospital sobre Bolsonaro

A assessoria do Hospital Santa Casa de Misericórdia de Juiz de Fora, em Minas Gerais, comunicou à imprensa que o candidato à Presidência da República, Jair Bolsonaro (PSL) passou por um procedimento cirúrgico na unidade de saúde. Ele foi ferido por um homem com um golpe de faca durante campanha no Centro da cidade, na tarde desta quinta-feira (06).

De acordo com a assessoria, ao chegar ao local, o candidato do PSL, foi rapidamente encaminhado ao centro cirúrgico e passou por uma cirurgia. Ele teve uma lesão na artéria mesentérica, que leva sangue ao intestino, que foi costurada e resolvida. Além disso, Bolsonaro teve três lesões no intestino delgado e uma lesão transfixante no intestino grosso, também resolvidas. O sangramento foi estancado e o seu estado de saúde é considerado estável.

Ainda segundo informações, Bolsonaro chegou ao hospital com hipotensão, pressão arterial sistólica com valor inferior a 120 mmHg, e teve lesão hepática grave.


O paciente Jair Messias Bolsonaro deu entrada no hospital por volta das 15h40 com uma lesão por material perfurocortante na região do abdômen. Ele foi atendido na urgência, passou por um exame de ultrassonografia e agora está no Centro Cirúrgico.


Em rede social, filho de Bolsonaro diz que o pai passa bem





Postado por: Sou Enfermagem | Publicado em: 06/09/2018

Este site usa cookies para fornecer serviços e analisar tráfego. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais. Entendi