Sou Enfermagem

Sarampo: certifique-se de que seu filho seja totalmente imunizado

Autor: Sou Enfermagem Em: 17/06/2019

Sarampo: certifique-se de que seu filho seja totalmente imunizado

O sarampo é uma doença altamente contagiosa. Pode ser sério para crianças pequenas. 

Proteja seu filho certificando-se de que ele esteja em dia com a vacina contra o sarampo, inclusive antes de viajar para o exterior ou regiões do Brasil com mais incidência.

As crianças precisam de 2 doses de vacina contra sarampo

Você pode proteger seu filho contra o sarampo com uma vacina tríplice viral combinada que oferece proteção contra três doenças: sarampo, caxumba e rubéola – SCR. A vacina  provou ser muito segura e eficaz.  

Quem deve ser vacinado?

Todos as pessoas de 1 a 29 anos de idade devem ter duas doses de vacina sarampo (Tríplice Viral) para serem considerados protegidos. Certifique-se de que você está protegido antes de viagens internacionais. 

Antes de partir para a sua viagem, consulte os avisos de viagem sobre o sarampo.

* Os bebês que recebem uma dose da vacina antes de seu primeiro aniversário devem receber mais duas doses de acordo com o esquema recomendado rotineiramente (uma dose entre 12 e 15 meses e outra com 4 a 6 anos ou pelo menos 28 dias depois) ).

O sarampo pode ser grave

O sarampo é uma doença muito contagiosa causada por um vírus. Ele se espalha para os outros através da tosse e espirros. É tão contagiante que, se uma pessoa o tiver, até 90% das pessoas ao seu redor também serão infectadas se não estiverem protegidas.

O sarampo começa com febre alta. Logo depois, causa tosse, coriza e olhos vermelhos. Em seguida, uma erupção de pequenas manchas vermelhas irrompe. Começa na cabeça e se espalha para o resto do corpo. O sarampo pode ser sério. Pode levar a pneumonia, encefalite (inchaço do cérebro) e morte.

Sarampo nos EUA

Casos de sarampo e surtos foram relatados nos EUA em 2019. As pessoas nos Estados Unidos ainda contraem sarampo, mas isso não é muito comum. Isso porque a maioria das pessoas neste país está protegida contra o sarampo por meio da vacinação. No entanto, o sarampo ainda é comum em outras partes do mundo. Todos os anos, pessoas não vacinadas contraem sarampo enquanto estão no exterior, trazem a doença para os Estados Unidos e a distribuem para outras pessoas.

O sarampo pode se espalhar rapidamente em comunidades onde as pessoas não são vacinadas. Qualquer pessoa que não esteja protegida contra o sarampo, incluindo crianças muito jovens para serem vacinadas, corre o risco de ser infectada. É por isso que é tão importante estar em dia com as vacinas, inclusive antes de viajar para o exterior.

Sarampo no Brasil

O vírus do sarampo circula no Brasil desde 2018, quando o país registrou 10.326 casos confirmados, a maioria no Amazonas e Roraima, com 12 óbitos. Até maio de 2019, o Ministério da Saúde confirmou 92 casos da doença em todo território nacional: 4 no Amazonas, 1 em Roraima, 48 no Pará, 30 em São Paulo, 3 em Santa Catarina, 2 no Rio de Janeiro e 4 em Minas Gerais.

Se você não tem plano de saúde ou se seu plano não cobre vacinas para seu filho, o Programa Nacional de Imunização do Sistema Único de Saúde (SUS) para Crianças pode ajudar. Este programa ajuda as famílias de crianças elegíveis que, de outra forma, não teriam acesso a vacinas. Você deve procurar o posto de saúde mais próximo de sua casa para obter mais informações.

A vacinação continua sendo a única forma de evitar o sarampo, doença altamente contagiosa e o Brasil só voltará a erradicá-lo se conseguir vacinar 95% da população. Várias cidade do Brasil estão em campanha para vacinar todas as pessoas, mas não fique esperando alguém bater em sua porta e perguntar, vá ao posto de saúde mais próximo de sua residência.

Cursos Online: Quer melhorar o seu currículo e se destacar no mercado de trabalho? Então clique aqui e faça um curso online conosco

Conteúdo Exclusivo:Quer receber conteúdo exclusivo de saúde por e-mail por apenas 4,99 por mês? Então clique aqui e faça o seu pedido e lhe enviaremos todos os dias



Deixe o seu comentário

Este site usa cookies para fornecer serviços e analisar tráfego. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais. Entendi