Sou Enfermagem

O que se deve saber sobre enemas

Autor: Sou Enfermagem Em: 29/06/2019

O que se deve saber sobre enemas

Um enema envolve a inserção de líquido no reto, que é a parte inferior do intestino grosso. O objetivo é esvaziar os intestinos, permitir um exame ou administrar medicação.

Um enema pode ser eficaz no tratamento de certas condições médicas, mas o uso regular do enema pode causar sérios problemas de saúde.

Por causa dos riscos envolvidos, uma pessoa só deve usar um enema por razões médicas.

Neste artigo, descobrimos mais sobre enemas e como usá-los com segurança.

Um profissional médico pode fazer um enema, ou uma pessoa pode usar um em casa.

Muitas farmácias vendem kits de enema, e estes também estão disponíveis online. Escolha um que um profissional de saúde recomendou.

Um kit geralmente inclui um saco ou outro tipo de recipiente preso a um tubo ou bocal. Este recipiente contém um líquido, que pode conter um óleo ou laxante.

Como usar o enema

Qualquer pessoa com flexibilidade suficiente em seus braços e ombros para alcançá-los deve ser capaz de usar um enema em casa.

Riscos ao usar um enema

Usando muito líquido: Neste caso, o corpo pode conter algum líquido e liberá-lo sem aviso prévio.

Alongamento do intestino: aumenta a chance de perfuração, que é um risco quando o revestimento do cólon é rasgado. Pode fazer com que o conteúdo do cólon vaze para o corpo.

Usando líquido muito quente ou frio: isso pode causar desconforto ou dor. O líquido em um enema deve estar à temperatura ambiente.

Use a quantidade recomendada de líquido à temperatura ambiente e não use um enema com muita freqüência.


Coisas para você lembrar

Cada kit de enema é um pouco diferente e deve vir com instruções claras. Ler atentamente estas instruções pode ajudar a garantir que o uso do enema seja seguro e eficaz.

Certifique-se de planejar tempo suficiente para o enema funcionar e descansar depois, se necessário. Os médicos geralmente recomendam ter acesso a um banheiro por 1 hora após o uso de um enema.

Um enema pode ser desconfortável, mas não deve ser doloroso. Se houver dor, pare e procure orientação médica. O uso de vaselina pode aliviar o desconforto durante a inserção.


Instruções do Enema

As instruções para cada kit de enema são diferentes, mas a maioria segue estas etapas gerais:

Escolha um local tranquilo com espaço para se deitar, idealmente um banheiro, e tenha toalhas, um cronômetro e o kit de enema pronto.

Remova toda a roupa da metade inferior do corpo.

Lave as mãos com sabão e água quente e seque-as bem.

Coloque uma toalha no chão e deite-se no lado esquerdo do corpo, se for destro ou no lado direito do corpo, se for canhoto.

Dobre o joelho da perna superior e coloque uma toalha enrolada debaixo do joelho para apoiá-lo.

Remova a tampa do bocal do enema.

Gentilmente, insira a ponta do bocal no ânus e continue a inserir 10 centímetros (3 a 4 polegadas) no reto.

Lentamente esprema o líquido do recipiente até que esteja vazio, então remova cuidadosamente o bocal do reto.

Aguarde o enema entrar em vigor. Isso pode levar de 2 minutos a 1 hora, e as instruções do kit devem fornecer uma estimativa mais específica.

Vá ao banheiro, como de costume, para esvaziar as entranhas.

RESUMINDO

Enema ou lavagem intestinal é a instilação de grande volume de água, solução laxativa e/ou medicamento no reto, geralmente por meio de um irrigador.

MATERIAIS NECESSÁRIOS PARA LAVAGEM INTESTINAL

- Solução de glicerina em frasco ou fleet enema
- Sonda retal
- Xilocaína gel
- Gazes
- Luvas de procedimento
- Comadre
- Suporte de soro
- Irrigador
- Intermediário de Látex
- Lençol móvel e impermeável
- Pinça Kocher

ETAPAS DO PROCEDIMENTO PARA LAVAGEM INTESTINAL

- Higienizar as mãos.
- Preparar o material.
- Paramentar-se adequadamente.
- Explicar para o paciente/família os riscos/benefícios e objetivos do procedimento.
- Colocar o paciente em decúbito lateral esquerdo protegendo a cama com o lençol móvel e impermeável.
- Adaptar o irrigador ao intermediário de látex (no caso de lavagem intestinal) e pendurá-lo no suporte de soro, conectando sua ponta na sonda retal.
- Clampear o intermediário de látex e preencher o irrigador com a solução prescrita.
- Retirar o ar do intermediário de látex e sonda.
- Lubrificar a sonda com xilocaína gel.
- Manter o paciente em posição de SIMS, afastar a prega interglútea, solicitar ao paciente que respire profundamente e introduzir a sonda cerca de 6 a 10 cm. Em caso de resistência não forçar a introdução da sonda.
- Deixar a solução correr vagarosamente, pois a introdução rápida da solução pode provocar o aumento do peristaltismo, dificultando a retenção da mesma.
- Solicitar ao paciente para permanecer nesta posição o tempo que suportar para reter a solução, movimentando-se após para outros decúbitos para se obter melhor efeito.
- Conforme condições clínicas colocar fralda, oferecer a comadre ou encaminhar o paciente ao banheiro, examinando após, o conteúdo eliminado.
- Quando solicitado apenas o fleet-enema ou enema glicerinado (soluções prontas), segue-se a mesma rotina sendo que neste caso apenas se administra o conteúdo do frasco todo de uma vez. Pode ser necessário amornar as soluções.
- Encaminhar o material ao destino adequado.
- Lavar as mãos.
- Realizar o registro das características das eliminações.

CONSIDERAÇÕES IMPORTANTES PARA LAVAGEM INTESTINAL

Riscos:
- Trauma (sangramento)
- Cólica

Prevenção de agravo:
- Seguir procedimento técnico
- Cautela
-Aquecer solução

Tratamento da não conformidade:
- Comunicar as intercorrências ao enfermeiro ou médico e realizar os registros necessários
- Assegurar tratamento dos agravos e atenção à família

Observações/Recomendações complementares:
- Sempre usar EPI
- Realizar os registros necessários após os procedimentos
- Manter o local em ordem

REFERÊNCIAS

CONSELHO REGIONAL DE ENFERMAGEM DE SÃO PAULO. Parecer COREN-SP CAT nº 032/2010. Lavagem instestinal. São Paulo, 2010.
MOTTA, A. L. C. Normas, rotinas e técnicas de enfermagem. São Paulo: Látia, 2003.
PRADO, M. L.; GELBCKE, F. L. Fundamentos para o cuidado profissional de enfermagem. Florianópolis: Cidade Futura, 2013.

Cursos Online: Quer melhorar o seu currículo e se destacar no mercado de trabalho? Então clique aqui e faça um curso online conosco



Deixe o seu comentário

Este site usa cookies para fornecer serviços e analisar tráfego. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais. Entendi