Sou Enfermagem

Cirurgias proctologicas

Cirurgias proctologicas

abdomemA cirurgia proctologicas pode ser feita para HPB ou câncer de próstata. A abordagem cirúrgica depende do tamanho da glândula, intensidade da obstrução, idade, saúde subjacente e doença prostática.

Intervenções cirúrgicas

• Ressecção trasuretral da próstata (RTU ou RTUP)- a mais comum e feita sem uma incisão por meio de instrumento endoscópico.

• Prostatectomia aberta

• Suprapubaian- incisão na área suprapubiana e através da parede vesical; feita freqüentemente para HBP

• Perineal – incisão entre o escroto e a área retal; pode ser feita em pacientes com baixo risco cirúrgico, mas produz uma incidência mais elevada de incontinência urinária e impotência.

• Retropúbica- incisão ao nível da sínfise pubiana; conserva os nervos responsáveis pela função sexual em 50% de pacientes.

Tratamento pré-operatório / cuidados de Enfermagem

• Explicar a natureza da cirurgia e os cuidados pós-operatórios presvistos, incluindo a drenagem por cateter, irrigação e monitoramento da hematúria.

• Discutir as complicações da cirurgia e como o paciente se adaptará.

• Incontinência ou gotejamento da urina por até 1 ano após a operação;

exercícios perineais (kegel) ajudam a readquirir o controle urinário.

• Ejaculação retrógrada – líquido seminal liberado para dentro da bexiga e

eliminado na urina me vez da uretra durante as relações sexuais; a impotência

geralmente não é uma complicação da RTU, mas é freqüentemente uma

complicação da prostatectomia aberta.

• Administrar a preparação intestinal conforme prescrito, ou instruir o paciente na

administração doméstica e manter-se em jejum após a meia – noite.

• Garantir um bom estado cardíaco, respiratório e circulatório para diminuir o

risco de complicações.

• Administrar antióticos profiláticos, conforme prescrito.

 Tratamento pós – operatório/cuidados de Enfermagem:

• Manter a drenagem urinária e monitorar quanto à hemorragia.

• Proporcionar cuidados com a ferida e evitar a infecção.

• Aliviar a dor e promover a deambulação precoce.

• Monitorar e evitar as complicações :

- Infecção e deiscência da ferida.

- Obstrução ou infecção urinária.

- Hemorragia.

- Tromboflebite, embolia pulmonar.

- Incontinência urinária, disfunção sexual.

Intervenções de enfermagem

• Facilitando a drenagem Urinária.

• Evitando a infecção.

• Aliviando a Dor.

• Reduzindo a ansiedade.

Postado por: Sou Enfermagem | Publicado em: 14/03/2017

Gostou? Deixe seu comentário.

VOCÊ TAMBÉM PODE FAZER UMA PESQUISA