Sou Enfermagem

Principais riscos biológicos para os profissionais da enfermagem

Principais riscos biológicos para os profissionais da enfermagem

Os Acidentes de Trabalho com Material Biológico Potencialmente Contaminado no ambiente de trabalho entre os trabalhadores de instituições de saúde pública e privada,  ainda é frequente e pode acarretar sérias consequências de ordem física e psicossocial à vítima e também às instituições de saúde.

Dessa forma, práticas mais seguras devem ser estimuladas no processo de trabalho, com ênfase na promoção à saúde e prevenção de tais agravos.


As Precauções-padrão são medidas preconizadas pelo Centers for Disease Control and Prevetion, (CDC) e devem ser aderidas universalmente por todos os profissionais que prestam cuidados de saúde para diminuir os riscos de contaminação por agentes biológicos e prevenir as Infecções Relacionadas à Assistência em Saúde (IRAS). 

Os trabalhadores devem saber identificar os riscos inerentes de cada procedimento e a importância da adesão às precauções-padrão, reconhecendo, assim, essas medidas como uma forma de diminuição de riscos à exposição ocupacional. 

As Precauções-padrão têm o objetivo de proteger o profissional da exposição a Material Biológico Potencialmente Contaminado (MBPC) transmitido por sangue, fluidos corporais e secreções (exceto suor) e diminuir o risco de transmissão de IRAS.


As medidas de Precauções-padrão incluem: 

1) a Higiene das Mãos, 

2) o uso de Equipamento de Protecção Individual (EPI) - a exemplo das luvas, aventais, óculos e máscaras de proteção, 

3) práticas de injeção seguras, 

4) manipulação segura dos equipamentos ou superfícies no ambiente,

5) etiqueta de tosse.  

Destarte, medidas como a Higiene das Mãos é considerada a principal estratégia a fim de prevenir as s Infecções Relacionadas à Assistência em Saúde. O uso de EPI destina-se a proteger o profissional da exposição, cuja seleção baseia-se na natureza da interação profissional e paciente com potencial de exposição a sangue, fluidos corporais ou agentes infecciosos.


OS RISCOS BIOLÓGICOS

Os profissionais de enfermagem ficam expostos diariamente a muitos micro-organismos que podem causar infecções devido à grande manipulação de agulhas, intravenosos, cateteres, lâminas  e muitos objetos de vidros durante a execução de procedimentos de enfermagem. Embora as lesões ocasionadas possam ser na maioria das vezes, pequenas, mesmo assim há risco deste tipo de acidente trazer contaminação do vírus da Hepatite (HBV e HCV) e da AIDS (HIV), por isso todo o cuidado é bem vindo.


HBV (VÍRUS DA HEPATITE B)

Após vacinação para hepatite B (anti-HbsAg positivos) praticamente não existe risco de infecção pelo HBV. Para pessoas não imunes, o risco de infecção após uma única exposição através de picada de agulha ou corte percutâneo varia entre 6% e 30 %.


HCV (VÍRUS DA HEPATITE C)

O risco de contaminação não ultrapassa 2% após um único acidente com agulha ou outros objetos cortantes. O simples contato com pele ou mucosas tem um risco ainda menor.

HIV (Vírus da AIDS)

Os acidentes de trabalho com contaminação pelo HIV envolve a equipe de enfermagem e técnicos de laboratório, sendo o acidente mais comum o percutâneo (picada com agulha) associado a 89% dos casos de contaminação profissional registrados. Quando ocorre um acidente com objetos perfurocortantes, o risco médio de infecção pelo HIV é de 0,3%, caso não seja feita a profilaxia logo em seguida.

Pacientes com carga viral alta ou AIDS avançada podem transmitir o vírus com mais frequência. O risco após contato único com olhos, nariz ou boca com sangue infectado é estimado em 0,1%.

PREVENÇÃO PARA OS PROFISSIONAIS DE ENFERMAGEM

Para prevenir, use sempre os EPI’S adequados:

Luva de procedimento – A luva descartável serve para o contato com o paciente.

Respirador N95 – Protege durante as atividades de contato com pacientes a fim de evitar respirar micro-organismos ou gotículas infectocontagiosas.

Óculos de proteção – Resguardarão contra impactos e substâncias diversas.


Postado por: Sou Enfermagem | Publicado em: 08/08/2018

Gostou? Deixe seu comentário.

Relacionados

Este site usa cookies para fornecer serviços e analisar tráfego. Ao usar o site, você concorda com o uso de cookies. Saiba mais. Entendi