Sou Enfermagem

Administração de Medicamento por Via Vaginal

Administração de Medicamento por Via Vaginal

Via vaginal - É a via de administração pela qual o medicamento é aplicado diretamente no canal vaginal. 

A ação do medicamento é local, e são administrados cremes, óvulos, géis, tampões, supositórios e pomadas.

           Material:

  • Bandeja inox para apoiar o medicamento.
  • Luvas de procedimento.
  • Aplicador vaginal.
  • Comadre, se necessário.
  • Medicamento.

             Técnica:

  • Higienizar as mãos.
  • Reunir a medicação seguindo a regra dos 5 Certos: medicamento certo, dose certa, paciente certo, via certa e hora certa.
  • Identificar o medicamento e colocá-lo no copo descartável sem retirar do invólucro.
  • Orientar a paciente sobre a administração do medicamento.
  • Higienizar as mãos e calçar as luvas.
  • Preparar o medicamento, se possível, na frente da paciente ou de seu acompanhante.
  • Colocar a paciente em posição ginecológica.
  • Abrir os pequenos lábios, expor o orifício vaginal e introduzir o aplicador com o medicamento. O aplicador deve ser introduzido em direção ao sacro, para baixo e para trás, cerca de 5 cm, a fim de introduzir o medicamento na parede posterior da vagina.
  • Pressionar o êmbolo, introduzindo o medicamento.

Pedir para que a paciente permaneça em decúbito dorsal, por aproximadamente 15 minutos.

  • Retirar a luva.
  • Desprezar o material e manter a unidade em ordem.
  • Higienizar as mãos.
  • Checar o procedimento em prescrição médica conforme
  • rotina da instituição.
  • Observar continuamente alterações orgânicas que possam estar relacionadas ao medicamento administrado.

Postado por: Sou Enfermagem | Publicado em: 05/07/2018

Gostou? Deixe seu comentário.